Sabe aquele texto que faz você ter um impulso para tomar uma decisão? Nosso cérebro pode ser estimulado pelo que chamamos de gatilhos mentais, utilizados para alavancar resultados nas áreas de marketing e vendas. O seu impulso vem disso!

Quanto mais vivemos acelerados e no piloto automático, tomando muitas decisões diariamente, mais chances temos de sermos influenciados por estes gatilhos. É quando compramos por impulso ou tomamos uma decisão rápida, baseada em alguma emoção ou comportamento. Mais adiante você entenderá como funcionam os gatilhos mentais.

Para entender gatilho mental, é preciso saber como o consumidor se comporta, em especial o seu público-alvo. Portanto, as estratégias de marketing contam sempre com os gatilhos mentais.

Para utilizar os gatilhos mentais, é preciso estudar os hábitos, que são construídos diariamente ao longo de nossa vida. São eles que nos fazem escolher sempre determinadas marcas no supermercado, muitas vezes sem racionalizar o porquê. O objetivo dos hábitos é evitar o cansaço mental com o excesso de decisões que tomamos diariamente. Por isso, como já comentamos, entramos no piloto automático e agimos, boa parte do tempo, baseados em costumes ou por impulso.

Os gatilhos mentais no marketing

As marcas baseiam-se muito no comportamento dos consumidores para montar suas campanhas ou promoções e, para isso, os gatilhos mentais são grandes aliados. Em especial no caso do Marketing de Conteúdo, a estratégia com o gatilho mental funciona muito bem. Para isso trabalhe-se com alguns estímulos:

Escassez ou Exclusividade: A ideia de que a pessoa é VIP ou de que as vagas são limitadas, estimula a pagar mais. Neste caso, deve-se oferecer algo realmente especial ou ter um forte argumento para convencer as pessoas de que vale muito a pena fazer parte do grupo ou adquirir o seu produto. Não engane as pessoas, porque o propósito é agregar valor à vida delas.

Urgência: Pelo gatilho da urgência você coloca um cronometro para a tomada de decisão. O tempo corre contra e a pessoa precisa decidir rapidamente. É o caso das ofertas relâmpago e chamadas para a ação com prazo, usando gatilhos como clique agora mesmo, por exemplo.

Novidade: Neste caso trabalha-se a curiosidade das pessoas. Tudo que é novo causa impacto. Portanto, puxa o senso de urgência. Neste caso, o e-mail marketing funciona muito bem, com um título bem atrativo e, claro, a palavra novidade ou novo em destaque. Só não vale trazer algo velho disfarçado de novo. Precisa ser novidade mesmo!

Prova Social: Aqui é preciso motivar o instinto de “maria vai com as outras”. Se todo mundo está fazendo, deve ser bom! Para isso, é importante divulgar números e depoimentos de seus clientes. Reforçamos mais uma vez para não colocar números falsos, porque seria propaganda enganosa.

Conhecendo agora os gatilhos mentais, você deve perceber quantas vezes já foi estimulado por eles. Seja na compra de algo muito importante ou até mesmo em um impulso que mais tarde gerou dúvida, você já experimentou o efeito do gatilho mental.

E agora que você já sabe a importância deles para o marketing e vendas, vai usá-los como estratégica e conseguirá aumentar o engajamento das suas publicações e campanhas, obtendo mais conversões.

Que tal começar a aplicar gatilhos mentais nas suas publicações? Se precisar de ajuda, a ClickMidia atua há mais de 10 anos em todo o Vale do Paraíba, desenvolvendo com excelência e criatividade soluções eficientes para sua empresa. Projetando soluções nas áreas de Marketing Digital, Design Estratégico, Produções de Vídeo, Planejamento e Projetos Gráficos.

Nos resultados, você tem o sucesso de um trabalho extremamente focado, com conteúdo e novas ideias, executado por uma equipe de perfil inovador que busca gerar soluções otimizadas para sua empresa ou produto.

Quer aumentar o engajamento?

You have Successfully Subscribed!